quarta-feira, 16 de julho de 2008

"Moonbeam of Fife"




Construído em 1903 por William Fife, segundo encomenda de Charles Plumtree Johnson para fins desportivos. Em 1920 é vendido a um homem de negócios francês e levado para Cannes. Apesar de ter mudado várias vezes de proprietário, manteve-se sempre com bandeira francesa fazendo o circuito de regatas do Mediterrâneo. Hoje, depois de um exaustivo processo de restauro pela Fairlie Restorations, especialistas na obra de Fife, é um dos que anima o circuito dos clássicos,"La Belle Classe".
Comp.31m /Larg. 4,72 /Calado-3,65 /Área vélica-430m2 / Spinnaker-360m2

6 comentários:

jc disse...

Que preciosidade!

almagrande disse...

Boas JC, percebo perfeitamente que haja quem passe trabalhos,canseiras e que se gastem fortunas a restaurar e preservar estes barcos.São obras de arte, pelo menos aos olhos de alguns. Não será por acaso que uma das vezes em que o "Moonbeam" trocou de dono foi num leilão da Sotheby's.

garina do mar disse...

tem razão Almagrande!!! verdadeiras obras de arte...
e o Fife um artista! os planos dele são sempre lindíssimos!!!
já descobriu algo mais sobre os "planos Fife" que navegam por cá?

almagrande disse...

Boas Garina,antes de mais deixe-me dar-lhe os parabéns por mais um aniversário do Milhas, vão viajando que nós agradecemos.Em relação aos Fifes que passaram por Portugal, a informação na net é escassa,a não ser que ande a procurar nos sítios errados.
Se tiver alguma dica que queira partilhar é muito bem vinda.
Eu cá vou continuando à procura, pode ser que encontre algo.

garina do mar disse...

estava a referir-me aqueles de que "falámos" em tempos: o Arabella, o Emily e havia ainda outro não era?
sobre eles só sei o que lhe disse mas se quiser posso tentar saber mais coisas!!
obrigada quanto ao Milhas Náuticas!! vá aparecendo ;)

almagrande disse...

Se não lhe der muito trabalho agradeço. Houveram outros, o SKEAF VI e o IRENE, que estão relacionados com Portugal mas esbarro na ausência de informação. Mas, verdade seja dita, também não tenho procurado muito.